Parágrafo 598

598. A Igreja, no magistério da sua fé e no testemunho dos seus santos, nunca esqueceu que «os pecadores é que foram os autores, e como que os instrumentos, de todos os sofrimentos que o divino Redentor suportou» (436). Partindo do princípio de que os nossos pecados atingem Cristo em pessoa (437), a Igreja não hesita em imputar aos cristãos a mais grave responsabilidade no suplício de Jesus, responsabilidade que eles muitas vezes imputaram unicamente aos judeus:

«Devemos ter como culpados deste horrível crime os que continuam a recair nos seus pecados. Porque foram os nossos crimes que fizeram nosso Senhor Jesus Cristo suportar o suplício da cruz, é evidente que aqueles que mergulham na desordem e no mal crucificam de novo em seu coração, tanto quanto deles depende, o Filho de Deus, pelos seus pecados, expondo-O à ignomínia. E temos de reconhecer: o nosso crime, neste caso, é maior que o dos judeus. Porque eles, como afirma o Apóstolo, «se tivessem conhecido a Sabedoria de Deus, não leriam crucificado o Senhor da glória» (1 Cor 2, 8); ao passo que nós, pelo contrário, fazemos profissão de O conhecer: e, quando O renegamos pelos nossos actos, de certo modo levantamos contra Ele as nossas mãos assassinas» (438).

«Não foram os demónios que O pregaram na cruz, mas tu com eles O crucificaste, e ainda agora O crucificas quando te deleitas nos vícios e pecados» (439).


Aprofunde seus conhecimentos

65. Qual a relação entre a obra da criação e a da redenção?

226. Qual a ligação entre os sacramentos e a Igreja?

248. Qual é o critério, que assegura a unidade na diversidade?

272. Quando é que Jesus Cristo instituiu a Eucaristia?

565. Quem pode educar na oração?

419. Qual o lugar da antiga Lei, no plano da salvação?

321. Quais são os sacramentos ao serviço da comunhão e da missão?


Acesse nossos estudos biblicos:

O que a Bíblia nos ensina sobre a afirmação da identidade pessoal dentro do relacionamento amoroso?

Qual é a mensagem de redenção presente no livro de Abdias, especificamente em Abdias 1:17?

Qual é a mensagem de Provérbios 6:6-11 sobre a preguiça e o trabalho árduo?

Qual é a batalha espiritual mencionada em 2 Timóteo 2:3-4 e como um cristão pode enfrentá-la?

Qual é o julgamento de Deus sobre a corrupção e a opressão de acordo com Miquéias 3:1-4?

O que significa a soberania de Deus em Isaías, e como ela garante segurança e proteção para o seu povo?

O que podemos aprender sobre o desejo de estar sempre com o amado/a a partir de Cânticos 3:1-5 e 6:1-3?

wcp

Share
Published by
wcp

Recent Posts

Parágrafo 1

1. Deus, infinitamente perfeito e bem-aventurado em Si mesmo, num desígnio de pura bondade, criou…

5 anos ago

Parágrafo 2

2. Para que este convite se fizesse ouvir por toda a Terra, Cristo enviou os Apóstolos…

5 anos ago

Parágrafo 3

3. Aqueles que, com a ajuda de Deus, aceitaram o convite de Cristo e livremente Lhe…

5 anos ago

Parágrafo 4

4. Bem cedo se chamou catequese ao conjunto de esforços empreendidos na Igreja para fazer discípulos, para ajudar…

5 anos ago

Parágrafo 5

5. «A catequese é uma educação da fé das crianças, dos jovens e dos adultos, que compreende especialmente…

5 anos ago

Parágrafo 6

6. Sem se confundir com eles, a catequese articula-se com um certo número de elementos da…

5 anos ago

This website uses cookies.