310. Quais são os efeitos deste sacramento?

Os efeitos do sacramento da Penitência são: a reconciliação com Deus e portanto o perdão dos pecados; a reconciliação com a Igreja; a recuperação, se perdida, do estado de graça; a remissão da pena eterna merecida por causa dos pecados mortais e, ao menos em parte, das penas temporais que são consequência do pecado; a paz e a serenidade da consciência, e a consolação do espírito; o acréscimo das forças espirituais para o combate cristão.


Veja este tema no Catecismo

Parágrafo 1468

1468.«Toda a eficácia da Penitência consiste em nos restituir à graça de Deus e em unir-nos a Ele numa amizade perfeita» (72). O fim e o efeito deste sacramento são, pois, areconciliação com Deus.Naqueles que recebem o sacramento da Penitência com coração contrito e disposição religiosa, seguem-se-lhe «a paz e a tranquilidade da consciência, acompanhadas duma grande consolação espiritual» (73). Com efeito, o sacramento da reconciliação com Deus leva a uma verdadeira «ressurreição espiritual», à restituição da dignidade e dos bens próprios da vida dos filhos de Deus, o mais precioso dos quais é a amizade do mesmo Deus (74).

Parágrafo 1469

1469.Este sacramentoreconcilia-nos com a Igreja.O pecado abala ou rompe a comunhão fraterna. O sacramento da Penitência repara-a ou restaura-a. Nesse sentido, não se limita apenas a curar aquele que é restabelecido na comunhão eclesial, mas também exerce um efeito vivificante sobre a vida da Igreja que sofreu com o pecado de um dos seus membros (75). Restabelecido ou confirmado na comunhão dos santos, opecador é fortalecido pela permuta de bens espirituais entre todos os membros vivos do corpo de Cristo, quer vivam ainda em estado de peregrinos, quer já tenham atingido a pátria celeste (76):

«É de lembrar que a reconciliação com Deus tem como consequência, por assim dizer, outras reconciliações, que trarão remédio a outras rupturas produzidas pelo pecado: o penitente perdoado reconcilia-se consigo mesmo no mais profundo do seu ser, onde recupera a própria verdade interior: reconcilia-se com os irmãos, que de algum modo ofendeu e magoou: reconcilia-se com a Igreja; reconcilia-se com toda a criação» (77).

Parágrafo 1470

1470.Neste sacramento, o pecador, remetendo-se ao juízo misericordioso de Deus, de certo modoantecipa o julgamentoa que será submetido no fim desta vida terrena. É aqui e agora, nesta vida, que nos é oferecida a opção entre a vida e a morte. Só pelo caminho da conversão é que podemos entrar no Reino de onde o pecado grave nos exclui? (78). Convertendo-se a Cristo pela penitência e pela fé, o pecador passa da morte à vida «e não é sujeito a julgamento»(Jo5, 24).

Parágrafo 1496

1496. Os efeitos espirituais do sacramento da Penitência são:

a reconciliação com Deus, pela qual o penitente recupera a graça;a reconciliação com a Igreja;a remissão da pena eterna, em que incorreu pelos pecados mortais;a remissão, ao menos em parte, das penas temporais, consequência do pecado;a paz e a serenidade da consciência e a consolação espiritual;o acréscimo das forças espirituais para o combate cristão.

Acesse nossos estudos biblicos:

Qual é o papel do povo de Deus na promoção da justiça social, de acordo com Amós 5:24?

A velhice e morte de Davi: o fim de uma vida de altos e baixos (2 Samuel 23, 24)

O que a Bíblia ensina sobre o julgamento final de Deus e o que Malaquias 3:18 nos revela sobre isso?

Qual é o exemplo de perseverança na fé que Paulo deixou em 2 Timóteo 4:7?

Como a sabedoria pode nos proteger contra o mal, conforme revelado em Sabedoria 7:28-29?

Qual é a importância da fé na cura do cego Bartimeu, descrita em Mateus 20:29-34?

Justificação pela fé: o que a Bíblia diz? (Romanos 1:17)


Livraria Católica