Parágrafo 676

676.Esta impostura anticrística já se esboça no mundo, sempre que se pretende realizar na história a esperança messiânica, que não pode consumar-se senão para além dela, através do juízo escatológico. A Igreja rejeitou esta falsificação do Reino futuro, mesmo na sua forma mitigada, sob o nome de milenarismo (642), e principalmente sob a forma política dum messianismo secularizado, «intrinsecamente perverso» (643).



Aprofunde seus conhecimentos

201. Porque é que a Igreja tem o poder de perdoar os pecados?

183. Qual é a missão do colégio dos Bispos?

512. O que é que se opõe à doutrina social da Igreja?

254. Quem conduz ao cumprimento tais prefigurações?

113. Quais as acusações para a condenação de Jesus?

235. Como é que a Igreja na terra celebra a liturgia?

87. De que modo Jesus Cristo é verdadeiro Deus e verdadeiro homem?


Acesse nossos estudos biblicos:

O que podemos aprender sobre a inconstância dos ricos e o valor da humildade em Eclesiastes 9:13-16?

O que significam as visões de Daniel sobre o carneiro e o bode em Daniel 8?

Qual é a mensagem da visão celestial de Isaías sobre a glória do Senhor revelada em Isaías 40:1-31?

Qual é a importância da coragem e ousadia, de acordo com Provérbios 28:1?

Qual é a mensagem de redenção presente no livro de Abdias, especificamente em Abdias 1:17?

Qual a importância da gratidão na história da cura dos dez leprosos, descrita em Lucas 17:11-19?

Qual é a promessa do Messias mencionada em Malaquias 3:1-3?


Livraria Católica