Parágrafo 2633

2633.Quando se participa assim no amor salvífico de Deus, compreende-se quequalquer necessidadepode tornar-se objecto de pedido. Cristo, que tudo assumiu a fim de tudo resgatar, é glorificado pelos pedidos que dirigimos ao Pai em seu nome (104). É com esta certeza que Tiago (105) e Paulo nos exortam a orarem todas as ocasiões(106).



Aprofunde seus conhecimentos

72. Qual era a condição originária do homem segundo o projecto de Deus?

68. Porque é que os homens constituem uma unidade?

40. Porque é importante a revelação do nome de Deus?

18. Porque é que a Sagrada Escritura ensina a verdade?

566. Quais os lugares favoráveis à oração?

49. Como operam as três Pessoas divinas?

74. O que é a queda dos anjos?


Acesse nossos estudos biblicos:

Qual é o exemplo de fé de Abraão e o que podemos aprender com ele? (Hebreus 11:8-12)

Como a oração é vista nos Salmos como expressão de dependência de Deus?

Qual é a mensagem por trás da parábola do Fariseu e do Publicano?

Como o Rei Asa restaurou a adoração verdadeira e venceu a guerra contra Etiópia em 1 Reis 15:9-24?

Qual é a história de Naamã e como a fé e a obediência o curaram da lepra?

O que significa o testemunho de João Batista em João 1:29 e qual a importância desse testemunho para os cristãos?

O que a Bíblia diz sobre a verdadeira fonte de consolo em tempos de aflição?


Livraria Católica