Parágrafo 890

890.A missão do Magistério está ligada ao carácter definitivo da Aliança instaurada por Deus em Cristo com o seu povo. Deve protegê-lo dos desvios e falhas, e garantir-lhe a possibilidade objectiva de professar, sem erro, a fé autêntica. O múnus pastoral do Magistério está, assim, ordenado a velar por que o povo de Deus permaneça na verdade que liberta. Para cumprir este serviço. Cristo dotou os pastores do carisma da infalibilidade em matéria de fé e de costumes. O exercício de tal carisma pode revestir-se de diversas modalidades:



Aprofunde seus conhecimentos

247. Porque é que a Igreja celebra o único Mistério de Cristo segundo tradições litúrgicas diferentes?

287. Porque é que a Eucaristia é banquete pascal?

266. Porque se chama Crisma ou Confirmação?

424. Que outros tipos de graça existem?

9. Qual é a etapa plena e definitiva da Revelação de Deus?

314. Que sentido tem a compaixão de Jesus pelos doentes?

294. Porque é que a Eucaristia é «penhor da futura glória»?


Acesse nossos estudos biblicos:

O que significa se submeter à disciplina de Deus, de acordo com Hebreus 12:5-11?

O que Tiago 5:7-11 nos ensina sobre a paciência em tempos de sofrimento?

A importância da hospitalidade e do cuidado com os outros: A generosidade de Tobias e sua esposa Sara.

Como foi a derrota dos macabeus na batalha de Elasa descrita em 1 Macabeus 6:17-47?

Qual é o papel da fé em meio ao sofrimento, de acordo com Jó 13:15-16?

O que diz a Bíblia sobre a idolatria e qual é o impacto dela na vida do povo de Deus, de acordo com Oséias 4:12-13?

Como o Rei Asa restaurou a adoração verdadeira e venceu a guerra contra Etiópia em 1 Reis 15:9-24?


Livraria Católica